conecte-se conosco

Notícias

Eólica e solar terão expansão recorde na América Latina em 2021

Apesar da contração no setor de construção de novas instalações eólicas e solares em 2020 como resultado da pandemia, a América Latina caminha para números recordes para este 2021.

Imagem: Envato Elements

Publicado

em

Apesar da contração no setor de construção de novas instalações eólicas e solares em 2020 como resultado da pandemia, a América Latina caminha para números recordes para este 2021.  

Isso fica claro a partir de um estudo da BloombergNEF, que indica que as novas instalações de energia eólica e solar crescerão novamente a bom ritmo em toda a América Latina este ano, após um difícil 2020. As novas instalações devem exceder 10 gigawatts (GW) pela primeira vez.

As novas instalações deverão atingir 30 GW até 2023, aumentando a capacidade eólica e solar acumulada em grande escala, que atualmente é de 48 GW. 

Este crescimento recorde é devido, em parte, à atividade suprimida quando a pandemia desacelerou o desenvolvimento do projeto no ano passado, produzindo uma queda acentuada nas adições líquidas que quebrou quatro anos de crescimento ininterrupto. Isso foi agravado pela turbulência regulatória no México, que esvaziou aquele que era um dos mercados mais quentes da região.

Espera-se que o Brasil e o Chile desfrutem de um forte impulso, com atrasos na entrega de projetos, fortalecendo um portfólio já forte em cada país, vinculado a leilões anteriores e acordos bilaterais de compra de energia. 

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidos